Práticas pedagógicas de professores de Ciências na Educação de Jovens e Adultos

Karen Martins Limberger, Valderez Lima, Renata Medina Silva

Resumo


  A investigação buscou analisar como é desenvolvida a prática pedagógica de professores de Ciências na Educação de Jovens e Adultos (EJA). O estudo teve como ponto de partida um levantamento das concepções dos professores por meio de uma entrevista gravada semiestruturada, que posteriormente foi transcrita e cujos dados foram avaliados por meio da Análise Textual Discursiva. Com base nessas informações, constatou-se que os professores de Ciências da EJA utilizam como fonte bibliográfica para planejamento das aulas o livro didático do ensino regular. O planejamento dos professores centra-se em conteúdos conceituais, buscando relacionar com o dia a dia dos alunos e procuram não ter uma sequência didática ao longo das semanas. De modo geral, as estratégias de ensino são realizadas de forma expositiva tradicional, apontando para os níveis iniciais de classificação da prática pedagógica dos professores – o ensino por transmissão (EPT). Embora procurem utilizar outras estratégias, como filmes, visitas a museus, experimentos e trabalhos em grupo, tais professores ainda não promovem o ensino para a pesquisa (EP), ideal para fomentar o pensamento crítico. A pesquisa ainda evidenciou que os professores realizam formação continuada, por meio de atividades propostas pela Secretaria de Educação, leituras em reuniões da escola e criação de grupo de estudo para discutir questões relativas à EJA. Assim, a investigação permitiu revelar a importância dos professores de Ciências reconhecerem os níveis de suas práticas pedagógicas para que possam desenvolver e buscar ações que contribuam socialmente com os educandos no processo de ensino e aprendizagem. 


Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.