Fatores que limitam e potencializam a aprendizagem na Educação de Jovens e Adultos

Débora Pontes, Ioneide Oliveira Campos, Anna Miranda

Resumo


Muito se tem falado em inclusão escolar, numa perspectiva de construir uma sociedade mais igualitária, que respeite as diferentes pessoas dentro de suas limitações físicas, sensoriais e cognitivas, com uma escola construída para todos. Mas quando se trata da população de jovens e adultos analfabetos, é evidente que o espaço escolar nem sempre é capaz de atender todas as demandas advindas dessa clientela. Muitos desses alunos encontram diversas limitações em sua aprendizagem, quer sejam advindas de barreiras do seu próprio cotidiano, fatores ligados ao processo de envelhecimento ou a deficiências físicas, cognitivas e sensoriais. Trata-se de uma pesquisa qualitativa em desenvolvimento, que tem como objetivo conhecer os principais fatores que limitam aprendizagem escolar de jovens e adultos, bem como os fatores que potencializam esse processo, na concepção dos próprios estudantes. Os dados foram produzidos tanto pela caracterização populacional, como pela realização de grupos focais, que serão analisados de acordo com análise categorial. Os dados da caracterização do grupo demonstraram que os estudantes são em sua maioria do sexo feminino, com idade igual ou superior a 30 anos e exercem atividades remuneradas, voltadas predominantemente às atividades domésticas. As experiências escolares anteriores dos participantes são menores que um ano de escolarização. 


Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.