A teoria bioecológica na pesquisa de famílias com crianças obesas

Priscilla Machado Moraes, Cristina Dias

Resumo


A obesidade infantil constitui-se um desafio para todos os profissionais da área de saúde, seja para obtenção de conhecimento ou para intervenção e tratamento. O presente artigo trata de uma revisão bibliográfica, de artigos e livros nacionais e internacionais, entre os anos de 1979 a 2015, cujo objetivo é descrever a ecologia das famílias com crianças obesas, a partir da Teoria Bioecológica do Desenvolvimento Humano, de Urie Bronfenbrenner. Analisar o fenômeno da obesidade requer um olhar sistêmico e contextual sobre as relações familiares, e, especialmente, sobre os fatores de risco ao desenvolvimento.

Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.