A promoção da saúde na atenção primária na perspectiva de uma equipe de saúde da família

Cássia Arantes, Cláudia Maria Bógus

Resumo


Este estudo teve como objetivo analisar percepções dos trabalhadores de uma equipe de saúde da família sobre as práticas de promoção da saúde. Trata-se de estudo de caso qualitativo, de caráter exploratório e descritivo. Os sujeitos do estudo foram trabalhadores de equipe de saúde da família de um município do estado de São Paulo. Para coleta de dados foram realizadas catorze entrevistas individuais com roteiro semiestruturado. Por meio da análise de conteúdo, na modalidade temática chegou-se a duas categorias: “O Agente Comunitário de Saúde: ator principal das práticas de promoção da saúde” e “Práticas grupais de promoção da saúde: em busca de participação e empoderamento”. Evidenciou-se a necessidade de se refletir sobre a responsabilidade dos outros trabalhadores na promoção da saúde e sobre práticas grupais como processo.

Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.