Resgatando as Vivências Sobre Sistemas de Informação em Saúde por Enfermeiros de um Centro de Saúde do Distrito Federal

Arianny Carvalho, Carlos Eduardo Santos, Tânia Rehem

Resumo


O objetivo dessa pesquisa foi entender qual é a experiência do enfermeiro da atenção básica com os Sistemas de Informação em Saúde (SIS) no processo de tomada de decisão em saúde. Dessa forma optou-se por um estudo qualitativo, com abordagem fenomenológica. Oito enfermeiros responderam a questão: “Qual a sua experiência com os Sistemas de Informação em Saúde?”. Foi considerado que os sistemas de informação são importantes para conhecer a população da área onde o serviço realiza a promoção, proteção, assistência e recuperação da saúde. Em relação à veracidade dos dados colhidos pelos SIS, foi considerado como não sendo fidedigno à realidade. Os discursos revelaram que os SIS são facilitadores, trouxeram mais rapidez e agilidade na busca do dado, acesso e transmissão da informação, otimizando o trabalho do enfermeiro.

Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.