Uso de Smartphones na Educação: Avaliação por Grupos Focais

Francisco Reinaldo, Demétrio Magalhães, Luis Reis, Stefane Gaffuri, Ademir Freddo, Renato Hallal

Resumo


Este artigo aborda alguns aspetos gerais das tecnologias da informação e comunicação na educação, mais precisamente, o uso dos smartphones nas escolas, incluindo as suas vantagens e limitações, análise da resistência quanto ao seu uso e a atualização dos professores. O referencial teórico baseia-se em trabalhos de autores da educação e da área de informática, do qual as ideias e opiniões foram extraídas, compiladas e analisadas. Desse referencial, uma pesquisa foi realizada, respeitando a Declaração de Helsinki, com professores em cinco escolas do ensino médio e uma escola de ensino superior (grupos focais) localizadas no estado de Minas Gerais, Brasil. Os resultados obtidos esclareceram os relatórios da UNESCO, relacionando tecnologias e educação, apresentando novas contribuições para diminuir a evasão dos alunos, conservando a integridade da visão do professor e a peculariedade dos estudantes em sala de aula.

Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.