Tríplice mimese de Ricoeur: modelo metodológico aplicado em narrativas sobre peregrinações

  • Carolina Souza
  • Francilaine Moraes
Palavras-chave: metodologia qualitativa; tríplice mimese; memória; narrativa; peregrinação.

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar o modelo metodológico, de abordagem qualitativa, construído com base na tríplice mimese de Ricoeur (1994). O desenho metodológico foi aplicado em estudo sobre narrativas acerca do fenômeno social da peregrinação a Santiago de Compostela. Foram analisados narrativas jornalísticas coletadas em reportagens publicadas em jornais brasileiros e portugueses, e narrativas de peregrinos coletadas em entrevistas. Na investigação, apreendeu-se o papel da mídia por meio da representação em textos jornalísticos na transmissão da memória coletiva e como ator no processo de atualização das memórias dos grupos, bem como as representações para a memória associada ao fenômeno peregrinatório. As conclusões indicam que o modelo metodológico permite investigar fenômeno social em acontecimentos narrativos.

Publicado
2019-06-18