Análise Comparada dos Planos de Educação e proibição da Educação em Gênero e Diversidade Sexual

  • Maurinice Evaristo Wenceslau
  • Antonio Rodrigues Neto
Palavras-chave: Pesquisa Qualitativa, Técnicas Da Comparação, Educação Em Gênero E Diversidade Sexual; Planos De Educação; Cidadania.

Resumo

Este artigo, extraído de pesquisa, objetiva analisar a “Educação em Gênero e Diversidade Sexual” prescritas em Planos de Educação Nacional, Estadual - Mato Grosso do Sul e Municipal – Campo Grande. Tal análise ancora-se na abordagem qualitativa, particularmente, nas técnicas da comparação. Os resultados sugerem compreensão que a Educação em Gênero e Diversidade sexual mesmo prevista nos Planos analisados, como política pública, que contempla a preocupação com um currículo que atenda às diversidades, reconhecendo as singularidades que se estabelecem na diferença, ainda encontra-se em meio aos políticos e religiosos da/na sociedade brasileira. Embates esses, delineados pelo lento processo de afirmação de direitos para os diferentes gêneros e diversidade sexual, problematizado por posturas discriminatórias, inviabilizadoras do alcance a vida digna. Neste contexto, a educação torna-se instrumento para a transformação social e construção da cidadania, voltada ao respeito às diferenças e à desconstrução de posturas descriminatórias.

Publicado
2019-06-28