A Falácia Organizacional: Uma Análise Sobre a Percepção dos Trabalhadores LGBTQ em Relação às Políticas da Diversidade

  • Thiago Silva dos Santos
  • Tânia Moura Benevides
Palavras-chave: Política da Diversidade; Trabalhadores LGBTQ; Práticas Organizacionais.

Resumo

Este estudo teve por objetivo compreender a percepção dos trabalhadores LGBTQ acerca da efetividade das práticas organizacionais desenvolvidas em prol da comunidade LGBTQ inserida nas organizações. Foram realizadas sete entrevistas com trabalhadores LGBTQ representando diferentes organizações, de modo a permitir comparações entre as diferentes adequações de discursos, formas de enfrentamento e manobras adotadas pelas organizações. Para isso optou-se pela técnica de Análise de Conteúdo. Os resultados indicaram que em casos onde há a institucionalização das políticas da diversidade, as práticas organizacionais conseguem ser melhor direcionadas para o público em questão. Quando não há a institucionalização, verificou-se a incongruência entre o que é dito e praticado, grande parte devido ao ambiente organizacional despreparado estratégica e socialmente para se responsabilizar com o cumprimento do que está previsto em seus discursos, incorrendo-se em atitudes discriminatórias contra o trabalhador LGBTQ durante a sua experiência de trabalho.

Publicado
2019-07-10