A qualidade de vida na pesca artesanal O uso de indicadores como instrumento de avaliação

  • Natali Piccolo
  • Ingrid Cabral Machado
  • Jocemar Tomasino Mendonça
  • Marcelo Barbosa Henriques

Resumo

Para a gestão pesqueira o desenvolvimento de políticas públicas que promovam melhor qualidade de vida ao setor artesanal é um desafio, devido aos diferentes contextos nos quais as comunidades estão inseridas. Neste sentido este trabalho buscou verificar o desempenho do método de avaliação da qualidade de vida por meio do indicador (IQV) quando aplicado à atividade pesqueira. Foram avaliadas localidades na região da Baixada Santista e Litoral Sul do Estado de São Paulo através de aspectos nas dimensões social, ambiental, econômica e institucional Os indicadores de qualidade de vida mostraram-se eficientes no reconhecimento da insatisfaçãos dos pescadores sobre as condições disponíveis para se viver.
Publicado
2015-07-21