Funcionamento da Rede de Atenção Psicossocial-RAPS no município de São Paulo, Brasil: perspectivas para o cuidado em Saúde Mental

  • Maria Nóbrega
  • Giovanna Silva
  • Andreza Sena

Resumo

A Rede de Atenção Psicossocial consiste numa rede de cuidados que visa assegurar às pessoas com sofrimento/transtorno mental e necessidades decorrentes do uso do crack, álcool e outras drogas, atendimento integral e humanizado. O objetivo do trabalho é descrever o funcionamento para cuidado em saúde mental na perspectiva da portaria da RAPS. Estudo de abordagem qualitativa, de caráter exploratório descritivo, conduzido com 51 profissionais de nível superior. Aplicou-se o método de análise de conteúdo e emergiu duas categorias. A RAPS investigada apresenta fortalezas que sofisticam a atenção em saúde mental e vulnerabilidades que representam obstáculos a serem superados para que possa se constituir em uma rede de atenção psicossocial integrada e consolidada no território investigado.

Publicado
2016-07-05