Pesquisa qualitativa em saúde e a perspectiva cartográfica entre Deligny e Deleuze/Guattari

  • Adriana Azevedo
  • Flávia Liberman
  • Rosilda Mendes

Resumo

Este trabalho apresenta os delineamentos teórico-metodológicos da investigação Atenção Básica e a Produção do cuidado em Rede no Município de Santos- São Paulo- Brasil realizada nos anos de 2014 e 2015 por um grupo de pesquisa da Universidade Federal de São Paulo. Teve como cenário de estudo onze Unidades Atenção Básica da cidade de Santos, com o acompanhamento de onze casos de cuidado e objetivou identificar experiências de cuidado de saúde em rede nas quais estão envolvidos usuários e trabalhadores dos serviços, bem como conhecer e analisar redes formais e informais envolvidas nas situações de cuidado. Neste artigo apresentamos como a escolha por uma metodologia de pesquisa qualitativa, que é a pesquisa-intervenção e a cartografia, permitem acompanhar a implicação do pesquisador neste processo, a medida em que é desafiado a “pensar junto”, “pesquisar com” seu “objeto de estudo” e ser transformado com ele.
Publicado
2016-07-06