O Contexto de Vida de Crianças e Adolescentes Usuários de Drogas - Percepções de Terapeutas Ocupacionais na região Centro de São Paulo

  • Camila Santarosa
  • Isabela Lussi

Resumo

Este artigo evidencia parte dos resultados de uma pesquisa de mestrado. Participaram 11 terapeutas ocupacionais de 4 equipamentos, situados na região Centro da cidade de São Paulo/SP, Brasil, que oferecem atenção e cuidado a crianças e adolescentes usuários de drogas. A coleta de dados realizou-se por meio de entrevistas semiestruturadas, que foram transcritas e posteriomente analisadas utilizando-se a técnica da Análise Temática. Os participantes apontaram questões relacionadas ao contexto familiar, características inerentes à fase da vida, necessidades e dificuldades de acesso a serviços e espaços públicos. Também apontaram estreitamento de repertório de atividades no cotidiano. Identificaram aspectos positivos como os seguintes: potencial para mudança, desejo de evitar o uso, resiliência, desejos, capacidades e potencialidades que são trabalhados e estimulados nos equipamentos. Conhecer o contexto de vida desta população foi o primeiro passo na compreensão da complexidade que envolve a elaboração e a concretização da sua atenção e cuidado.
Publicado
2016-07-06