Mães de crianças, adolescentes e adultos com síndrome de Down: estresse e estratégias de enfrentamento

  • Maysa Ribeiro
  • Ilana Santos
  • Amanda Campos
  • Marília Gomes
  • Cibelle Formiga
  • Cejane Prudente

Resumo

O estudo propõe compreender o significado que mães de crianças, adolescentes e adultos com síndrome de Down atribuem ao estresse vivenciado como cuidadoras e conhecer as estratégias de enfrentamento usadas por elas. Participaram 21 mães cujos filhos eram atendidos em duas instituições de reabilitação. Trata-se de um estudo descritivo-exploratório de abordagem qualitativa, com referencial metodológico na Teoria Fundamentada nos Dados. Para coleta dos dados foi utilizada entrevista individual semiestruturada. Os resultados evidenciaram quatro categorias  relacionadas ao estresse - O impacto do diagnóstico e o medo da discriminação e do preconceito; As mães sentem-se sozinhas e sobrecarregadas; Os filhos crescem e não adquirem autonomia; Sexualidade: preocupação e controle dos pais - e  três categorias referentes ao enfrentamento: Negação, superproteção e infantilização dos filhos; Cuidar dos filhos gera prazer e ocupação; O conhecimento e as experiências acumuladas ao longo dos anos facilitam a adaptação e a aceitação. Conclui-se que as fontes de estresse são variadas, causam sofrimento e adiam o processo de aceitação e adaptação materna.
Publicado
2016-07-07