A Amostragem na Pesquisa de Natureza Científica em um Campo Multiparadigmático: Peculiaridades do Método Qualitativo

  • Fábio Nobre
  • Dalila Corrêa
  • Luciana Nepomuceno
  • Liana Nobre
  • Adail Sousa
  • Valdemar Filho

Resumo

A Administração, como campo multiparadigmático, demanda a coexistência de variados modos de acesso e definição da realidade, derivando daí diferentes possibilidades metodológicas de investigação científica (Godoi & Balsini, 2010). Entende-se que há fenômenos sociais que só podem ser investigados através de uma coleta de amostra não probabilística ou teórica. Entretanto, nesta área, ainda há um acentuado questionamento sobre a validade dos resultados de pesquisas realizadas com uma metodologia qualitativa. Entende-se, neste trabalho que falta compreensão sobre a maleabilidade do método qualitativo quando se trata de técnicas amostrais. Objetiva-se, pois, discutir a amostragem em pesquisa qualitativa no âmbito da administração, apresentando os potenciais equívocos em sua definição e buscando vislumbrar caminhos de aprimoramento do recurso metodológico neste campo. O trabalho foi desenvolvido na modalidade ensaio teórico, sem a pretensão de atender plenamente a lacuna identificada.

Publicado
2016-07-07