Pesquisa social na análise de migração compulsória: Etnografia da mudança

  • Milena Braz
  • Antonia Prado

Resumo

Ao longo dos anos de 2007 a 2011 analisou-se a migração compulsória de camponeses residentes no sertão do Ceará, Brasil. A mudança do Município (Jaguaribara) para o novo espaço (Nova Jaguaribara) ocorreu em razão do alagamento que a barragem do Castanhão causou no local anterior. O objetivo deste ensaio é explicitar a metodologia empregada para a consecução do estudo; que consistiu numa abordagem qualitativa com fulcro na Antropologia Social e emprego de procedimentos etnográficos. No percurso teórico-metodológico, buscou-se o desenvolvimento de uma “etnografia da mudança” no intuito de desvendar e compreender as mudanças ocorridas nos modos de vida dos grupos analisados, ou seja, a descrição detalhada do dilema que os sujeitos sociais experienciaram na relação dos seus saberes antigos com os novos, considerando que os saberes trazidos do antigo espaço foram insuficientes para lidar com o novo tempo.

Publicado
2016-07-08