Pesquisa Qualitativa na apreensão da mobilidade urbana: o campo de pesquisa como ponto de partida para uma investigação etnográfica

  • Antonia Prado
  • Milena Braz

Resumo

Expressa o percurso metodológico de uma investigação qualitativa que tomou o campo de pesquisa como ponto de partida. O objetivo é apresentar a pesquisa realizada num contexto de mobilidade urbana e pobreza em um bairro da periferia da cidade de Fortaleza-Ceará-Brasil. A investigação ocorreu no momento em que a população do local era transferida de suas residências antigas para um Conjunto Habitacional, construído pelo Governo do Estado, para dar lugar a uma via paisagística. O método da pesquisa foi etnográfico com descrição densa; realização de entrevistas, histórias de vida e diários de campo. O texto aponta os caminhos e as dificuldades enfrentadas na pesquisa, desde o desvio das pedras que dificultaram o acesso aos moradores até a tomada de decisões sobre como se aproximar deles e seus desdobramentos para captar os fatos sociais.

Publicado
2016-07-08