Pesquisa-ação para a cooperação organizacional: debates, repercussões e aplicações

  • Fabiana Pimentel Santos
  • Eduardo Davel

Resumo

Inserida no contexto da pesquisa social de base empírica, a pesquisa-ação é um método de pesquisa participativa caracterizado pela estreita relação entre pesquisador e objeto de pesquisa, bem como por propor uma ponte entre teoria e prática ao perseguir um duplo resultado: produção de conhecimento e intervenção prática.  O objetivo do artigo é discutir sobre uma estratégia metodológica de pesquisa-ação voltada para a cooperação interorganizacional com base na identidade territorial, debatendo seus desafios e suas repercussões para o desenvolvimento territorial. A proposta se apoia em uma experiência de pesquisa-ação com foco na cooperação interorganizacional, realizada no contexto de gestão de equipamentos culturais, cujo objetivo era refletir sobre o papel estrategico da identidade territorial para a gestão deste tipo de organização cultural. Trata-se de uma contribuição de carácter teórico-metodológico voltada a pesquisadores, sobretudo àqueles preocupados com a dimensão profissional e prática do conhecimento. 

Publicado
2017-06-28