Aproximações entre fenomenologia e o método da cartografia em pesquisa qualitativa

  • Severino Souza
  • Ana Lúcia Francisco

Resumo

Este artigo pretende apresentar e discutir o método da cartografia em pesquisa qualitativa e suas possíveis aproximações com a fenomenologia. Originalmente, a cartografia como método de investigação foi proposto por Félix Guattari e Gilles Deleuze em seus estudos voltados análise de processos e produção de subjetividades. No Brasil, esta metodologia é relativamente recente, mas com contribuições muito significativas em pesquisas no campo da saúde coletiva, educação e políticas públicas. O modo como vem sendo apresentado e praticado por pesquisadores brasileiros tem nos levado a pensar em possíveis articulações com o método fenomenológico, em seus princípios mais gerais, enquanto modo de apreensão da realidade. Nessa direção, pensamos que este artigo poderá trazer contribuições para as pesquisas que se encaminham por um viés fenomenológico existencial. 

Publicado
2017-06-28