Marcas em Mim. Motivações para a realização de modificações corporais: Discursos de usuários e profissionais

  • Marta Rodrigues
  • Zelia Teixeira
  • Luis Santos

Resumo

Este artigo desenvolve-se no território das modificações corporais (MC) (tatuagens, piercings, escarificações, entre outras) e resulta do tratamento parcial dos resultados de entrevistas realizadas junto de 20 usuários e de 20 profissionais de modificações corporais. A investigação é de índole qualitativa e decorre no contexto comunicacional do ciberespaço. A recolha de dados foi através de questionário e entrevista semi-estruturada, e a sua análise através do método Grounded Analysis com vista à elaboração de uma teoria fundamentada nos dados, cujos vetores principais foram o gosto pelas MC, percebidas como uma forma de arte, como expressão de significados pessoais, afirmação da diferença, e meio de construção identitária.

Publicado
2017-07-04