Sobrevivência e mortalidade empresarial: uma abordagem qualitativa sobre pequenos negócios varejistas

  • Rísia Kaliane Santana de Souza
  • Ana Cristina Batista dos Santos
Palavras-chave: Sobrevivência. Mortalidade. Pequenos Negócios Varejistas. Pesquisa Qualitativa.

Resumo

O objetivo do presente artigo consiste em compreender a relação entre os motivos apontados pelos proprietários de pequenos negócios para a continuidade e fechamento de suas empresas, e os motivos apresentados pelas Teorias Ambientais. A abordagem utilizada foi a qualitativa a partir da técnica da entrevista temática em profundidade considerando os elementos da história de vida e da história oral, privilegiando sempre a emergência de narrativas ancoradas no mundo vivido dos sujeitos entrevistados. Os resultados permitem afirmar que o grupo de proprietários entrevistados acreditam que os motivos de mortalidade e sobrevivência dos pequenos negócios emergem como uma tensão permanente entre o voluntarismo (propriamente humano) e o determinismo (sistêmico). E as teorias ambientais apontam os motivos para mortalidade e sobrevivência enquadrados teoricamente de maneira polarizada, parecendo prescrever opções estanques, modelizantes, para atores que medeiam a relação organização-ambiente.

Publicado
2018-07-02